Thursday, September 15, 2005

Saudade

"A saudade é Brigitte Bardot acenando com a mão num filme muito antigo" diz uma canção do Zeca Baleiro.
Acho que hoje essa imagem demonstra bem o que tenho sentido...
Hoje estou sentindo saudade de tantas coisas... Do tempo que pude passar na Europa (minha mãe está em Paris e isso me dá uma certa "coceirinha" de inveja), dos amigos que deixei por lá e daqueles que conheci depois, por meio do meu antigo blog...
Ao mesmo tempo, tenho saudades do meu tempo de blog diário, de muitas visitas e alguns grandes amigos que essa coisa de blog consegue nos oferecer...

Hoje estou com saudades e a sensação que tenho do passado é realmente essa... Uma imagem lenta, que se afasta, em preto e branco...Que faz bem de olhar, que nos aquece mas também entristece um pouco...

Mas apesar de tudo estou bem!

Wednesday, August 31, 2005

Finalmente

Devidamente instalada no apartamento e devidamente conectada à grande rede...
Só falta chegar a cozinha, minha cama...
A mesa da sala chegou hoje...
Por enquanto, continuo minha dieta de pão, presunto e coca-cola (e uma pizza às vezes pra variar)

Tuesday, August 02, 2005

Contagem Regressiva

Depois de 24 anos, estou mudando de casa.
Ainda não é minha casa, mas quem sabe um dia chego lá...

Thursday, July 21, 2005

Chove

Um ótimo dia para se mandar lavar o carro...

- Sim, sou descendente de portugueses, porquê?

Thursday, July 07, 2005

Só pra constar:

Bonito mesmo foi o 2° Gol do Atlético Paranaense!!!

Então...

Ufa! Agora parece que as coisas estão mais calmas...
Trabalhar em três coisas diferentes dá nisso!

Mas acho que no próximo semestre serão apenas duas...

Monday, June 27, 2005

Mulher solteira procura

Não, não é filme de suspense...
Procuro um apartamento pra alugar.

Já deu. Basta.

Monday, June 20, 2005

Joinville

Eu não gostava de Joinville. Primeiro me vinha a primeira impressão, negativa, de quando eu era criança e meu pai quis se mudar pra lá. A cidade representava então me afastar de todos que eu conhecia. Não nos mudamos, mas a cidade passou a representar a ameaça.
Depois, veio o amigo que faleceu por lá... Mais uma vez, a imagem de perda ligada à cidade...

Passado algum tempo, a imagem muda, efetivamente.
Foi preciso um certo tempo, é verdade, e muitas idas para apagar a primeira (e segunda) impressão. Mas agora ela passa a ser um lugar especial. "Tão perto, tão longe"... Uma hora de carro apenas mas distante de todos aqueles problemas do meu dia a dia...

A lembrança agora é de risadas, é de momentos especiais com a pessoa que amo e com novos amigos.